vídeos

Levando vara do pescador

Levando vara do pescador. Assista vídeo amador com pescador metendo rola no cuzinho do puto. Em seguida leia conto erótico gay com macho tomando no rabinho.

Levando vara do pescador

Estava veraneando na praia de Gaibu em Pernambuco, quando passa um cara moreno com uns peixes pendurado numa corda.

Pergunte onde ele comprou, ele me disse que foi na rede do chicão. Perguntei onde era que esse tal chicão ficava, pois queria comprar uns peixes, ele me explicou.

Então, fui ate o local, chegando lá, vejo um cara de uns 50 anos morenão, queimado pelo sol com um calção de futebol e um impressionante volume pendurado no meio das pernas dele.

Eu: bom dia, o senhor que é o Chicão que vende peixes?

Ele: não, Chicão é meu filho, mas ele saiu pro mar pra pescar só volta mais tarde!!

Eu: será que ele vai trazer peixe grande?

Ele: Moço quase sempre ele traz, mas é melhor o senhor esperar pois quando vem o pessoal cai em cima!

Eu: ok, vou ficar por aqui esperando,ele demora muito?

Ele: não daqui há uma hora ele ta de volta, ele só vai ate a arrebentação tem rede de espera por lá! Pode ficar lá na palhoça por conta do sol.

Eu: obrigado. Então fui pra palhoça, ele veio em seguida e começamos um papo sobre pescaria. Seu Carlos me ofereceu uma gelada e eu disse que queria, ele foi até um isopor cheio de gelo para os peixes, pegou uma lata das grandes de cerveja abriu e me deu.

Comecei a mexer na areia com os pés, então, vejo uma embalagem de camisinha, na hora seu Carlos diz que o chicão e foda que adora levar as putas pra ver o trabuco dele la na palhoça.

Eu que não sou bobo perguntei, que trabuco? ele me respondeu a rolona dele!

E é grande assim? Só perde pra minha, nisso ele deu uma pegada num troço grosso. Arregalei os olhos pro pacote do coroa, sendo que, continuamos bebendo cerveja.

Em seguida, seu Carlos levanta, coloca uma rola morena de uns 15 cm bem grossa pra fora e, dá um mijão, ali mesmo no canto da palhoça.

Nessa hora minha boca encheu de água, perguntei se ainda ficava dura. Então ele disse, pega aqui pra você ver.

Sem demora me ajoelhei em frente ao pescador, peguei na rola que ficou completamente dura em segundos.

Quando fui colocar na boca ele se afastou e me disse: deixa eu dar uma lavada. Nisso, eu peguei a cerveja joguei em cima da rola, e comecei a mamar, que delicia uma pica com cerveja.

Ele foi a loucura e mandava eu mamar mais,dai ele se sentou num banco feito de coqueiro de costas pra praia e mandou eu chupar,assim quem passasse na areia só via ele de costas, mas se alguém inventasse de comprar peixe eu tava fudido iam me ver de boca cheia rsrsrs.

depois de uns 5 minutos chupando aquele pauzao ele se levanta pega uma esteira forra no chao e manda eu deitar de bunda pra cima,meu tesao subiu a mil,ele arriou minha gunga ate os joelhos e pegou um oleo que tinha la e despejou no meu cu e me disse é pra o patrão não sentir muita dor e foi cravando a rola no meu cu,dai ele pegou um lençol velho e nos cobriu e ficou la me fudendo eu por baixo,via algus banhistas passando na areia e eu la levando rola de um cara que ha pouco nem seu nome sabia… enquanto me fudia ficava dizendo que adorava comer o cu dos turistas, que a fama dele de rolao ja tinha se espalhado pela praia e eu la sofrendo no mangote do cara,que rola grossa,mas tava bom,quando ele anucia que gozou tira a rola ainda pingando porra do meu cu e manda eu vazar dali que o filho dele so voltava na mare baixa ou seja no outro dia,me senti usado pelo coroa mas sai de la com o cu feliz que só…amanhã eu volto pra comprar o peixe seu Carlos…volte mesmo que lhe enrabo de novo.

Texto reprodução: contoerotico.com